sábado, 14 de outubro de 2017

Consumo de água na produção industrial e em atividades humanas do cotidiano

400.000 L, isso mesmo, quatrocentos mil litros de água são gastos no processo de fabricação de 1 automóvel.
A maioria dos materiais que nos rodeia é originada de processos químicos de transformações industriais. Porém, o uso indiscriminado de materiais extraídos da natureza tem gerado sérios problemas ambientais. Primeiro, grandes áreas naturais têm sido devastadas, ocasionando a morte de espécies biológicas, com o consequente desequilíbrio ecológico.


Um desafio da indústria, por exemplo, é reduzir o consumo de água. Esta tem sido consumida, atualmente, em maior quantidade, em atividades da agroindústria e da indústria que não são diretamente relacionadas ao consumo humano, embora estejam relacionadas à produção de alimentos e de materiais de uso humano. Abaixo tem-se uma lista, em ordem crescente, discriminado o consumo de água em processos industriais e em atividades humanas do nosso cotidiano:

Leia também:

Consumo de água na produção industrial

Produção industrial de carro

10 L - dez litros de água são consumidos para produção de 1 kg(L) de gasolina.
Pense nos milhões de carros rodando todos os dias com o tanque cheiro de gasolina.

20 L - vinte litros de água são gastos durante o processo de fabricação de 1 Kg de aço.
São milhões de toneladas de aço fabricado todos os anos.

32 L - trinta e dois litros de água vão para o ralo no processo de fabricação de 1 microchip.
Todos os anos são fabricados milhões de microchips.

324 L - trezentos e vinte e quatro litros de água são consumidos para produzir 1 Kg de papel.
Milhares de toneladas de papel são fabricadas por ano, apenas no Brasil.

10.850 L - dez mil e oitocentos litros de água são gastos no processo de confecção de 1 calça jeans.
Já moram no mundo mais de 7 milhões de pessoas. Imagine cada pessoa comprando duas ou três calças, em média, por ano.

100.000 L - cem mil litros de água são gastos no processo de fundição/solidificação de 1 Kg de alumínio.
São produzidos milhares de toneladas de alumínio todos os anos.

400.000 L - quatrocentos mil litros de água são consumidos na produção de 1 automóvel.
Brasil - em 2013 foram produzidas 3,71 milhões de unidades de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus. (fonte: G1)
Mundo – em 2016 foram fabricados cerca de 91,5 milhões de unidades de carros. (fonte: Estadão)

Leia também:

Consumo de água em atividades humanas do cotidiano

Água indo embora pelo ralo

0,5 L – escovação de dentes, molhando a escova e fechando a torneira enquanto escova os dentes e enxagua a boca com um copo de água.
2,5 L – vaso sanitário com caixa acoplada: 3 a 6 L por descarga.
2,5 L – lavagem de rosto por 1 minuto, com a torneira meio aberta.
12 L – Escovação de dentes por 5 minutos, com a torneira não muito aberta.
12 L – vaso sanitário com válvula e tempo de aquecimento de 6 segundos.
15 L – banho com chuveiro elétrico por 5 minutos, com o registro meio aberto.
40 L – lavadora de louças com capacidade para 44 utensílios e 40 talheres.
45 L – banho de ducha por 5 minutos, com o registro meio aberto.
45 L – banho com chuveiro por 15 minutos, com o registro meio aberto.
117 L – lavar louça com a torneira meio aberta, em 15 minutos.
135 L – banho de ducha por 15 minutos, com o registro meio aberto.
186 L – molhar as plantas durante 10 minutos.

Leia também:

Agora faça as contas e veja o quanto de água uma família composta por quatro pessoas gasta em 365 dias por ano.

Não contribua com esse consumo desacerbado. Ajude a conceber medidas para a sustentabilidade como melhoria que garanta o futuro de todos e não como limitação, impulsionando o reconhecimento social das medidas positivas.

Respeite e faça respeitar a legislação de proteção do meio ambiente para defesa da biodiversidade.

Leia também:

Esperamos que você reflita sobre essas questões e busque mudança de hábitos para fazer uso racional de diferentes produtos químicos. Faça a sua parte: prense sustentável! Se déssemos importância para pequenos detalhes e mais valor para as coisas, a dinâmica de desperdício poderia ser modificada.

Que estas informações e dicas tenham contribuídos para seu aprendizado!
Um mol de abraços, e volte sempre!
Santos W. e Mól G.; Química Cidadã. Editora AJS; 3ª ed., São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

@ Para dúvidas e/ou sugestões envie-nos um e-mail;
@ Divulgue seu blog no Educadores Multiplicadores
@ Seus comentários são reagentes para as nossas postagens!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...