segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Tudo sobre refrigerante: doenças causadas pelo consumo em excesso dessa bebida

Tudo sobre refrigerante: doenças causadas pelo consumo em excesso dessa bebida
Quem criou o refrigerante coca-cola deveria ganhar o céu, o que acha?😯 Na minha opinião os refrigerantes a base de coca são os mais saborosos, porém de modo geral todos os refrigerantes são bastante nocivos à saúde. Casos não faltam para pegarmos como exemplos de pessoas com sérios problemas de saúde, causados pelo consumo desse líquido.  Pesquisa feita nos Estados Unidos revelou que o consumo de bebidas açucaradas pode aumentar a incidência de diabetes tipo 2.  Pois, o problema é que o refrigerante parece aumentar a resistência da insulina no organismo. Por mais que a substância esteja presente no corpo, os níveis de açúcar no sangue continuam altos.



Matérias-primas para fabricação de refrigerantes

Os refrigerantes são bebidas constituídas basicamente pela mistura de quatro ingredientes: água; açúcar (ou edulcorantes); extratos concentrados e gás carbônico. Participam também substâncias coadjuvantes, principalmente conservantes, acidulantes e antioxidantes.

Os extratos concentrados são os responsáveis pelas características de cor, aroma e sabor dos refrigerantes. Os tipos mais consumidos no Brasil são o tipo cola, o guaraná e o sabor frutas (laranja, limão, uva etc.). São produzidos em unidades industriais próprias – principalmente a fim de guardar sua fórmula sob segredo industrial – e depois entregues aos fabricantes de refrigerantes. Os xaropes concentrados apresentam alto valor agregado. Na classe de refrigerantes e outras bebidas não alcoólicas, responderam, no período analisado, por 24% do valor da produção e apenas 0,4% do volume.

O açúcar é utilizado para conferir sabor doce e encorpar a bebida. É totalmente adquirido no mercado interno e possui preço atrelado a cotações internacionais e ao dólar. Nos refrigerantes de baixa caloria, o açúcar é substituído por edulcorantes, sendo os mais empregados a sacarina e o ciclamato. Os edulcorantes também são adquiridos no mercado interno.

O dióxido de carbono é um gás industrial de inúmeras aplicações. É um insumo que pode ser comprado de empresas fornecedoras, ou produzido dentro da própria fábrica de refrigerantes. Injetado nas bebidas – processo conhecido como carbonatação –, sua função é realçar o paladar e a aparência do produto. A expansão do gás quando o líquido é ingerido confere a sensação de refrescância característica dos refrigerantes.


Perigo! Não beba refrigerante!

Essa mesma pesquisa, cita acima, mostra que o consumo dessa bebida pode ser tão danoso à saúde quanto fumar. Por essa razão, os órgãos competentes do governo deveriam criar normais e diretrizes para obrigar os fabricantes de refrigerantes a trazerem as informações quantos aos riscos à saúde nos rótulos, alertando sobre os perigos, iguais aos estampados nas embalagens de cigarro.

Estatística sobre os refrigerantes

Estudo feito e publicado recentemente pelo BNDS traz um panorama da evolução recente do setor de bebidas através da análise de dados oficiais de produção, consumo, investimentos e balança comercial. Além disso, comentam-se as principais características de mercado que atualmente impactam a competitividade das empresas produtoras de bebidas. Busca-se, assim, analisar dados e organizar informações a fim de traçar perspectivas para o setor nos próximos anos. Link do documento nas referências.

Abaixo trago apenas os gráficos que tratam de nossa postagem:

Nesse primeiro gráfico vemos que a produção de bebidas (incluindo de refrigerantes) cresceu consideravelmente de 2003 a 2010, dando uma atenuada de 2010 a 2013.

Gráfico 1 - Índice acumulado do crescimento da produção física de bebidas – Brasil, 2004-2013 (2003=100)
Fonte: IBGE – PIM-PF.

O segundo gráfico mostra que desde 2005 a produção de refrigerantes no Brasil só tem crescido a cada ano.

Gráfico 2 - Produção de refrigerantes – Brasil, 2005-2013 (em milhões de litros)
Fonte: IBGE – PIA-Produto. * Dados estimados por meio de estatísticas obtidas do Sicobe

No gráfico abaixo, mostra que o Brasil conquistou em anos recentes a terceira posição na lista dos maiores consumidores mundiais de cervejas e refrigerantes. Conforme evidencia o gráfico 3, o consumo brasileiro é inferior apenas ao verificado nos Estados Unidos da América (EUA) e na China.

Gráfico 3 - Maiores consumidores mundiais de cervejas e refrigerantes, 2011 (em milhões de hectolitros)
Fonte: BNDES

Quanto de açúcar tem nos refrigerantes?


Observação: ainda sobre a pesquisa, tomar 360mL de refrigerante (equivalente a uma lata) por dia aumenta em 22% o risco de ter a doença. E o problema não atinge apenas obesos. Refrigerante faz mal mesmo para pessoas com peso normal – só que nesse caso o risco de ter diabetes do tipo 2 sobe “só” 18%.

Passo-a-passo dos acontecimentos do refrigerante percorrendo o nosso organismo, mediante o tempo

@ Primeiros 10 minutos: 10 colheres-de-chá de açúcar batem no seu corpo, o que significa: 100% do recomendado diariamente. Você não vomita imediatamente pelo doce extremo porque o ácido fosfórico corta o gosto.

@ Passados 20 minutos:  o nível de açúcar em seu sangue estoura, forçando um jorro de insulina. O fígado responde transformando todo o açúcar que recebe em gordura. (É muito para esse momento em particular.)

@ Passados 40 minutos: a absorção de cafeína está completa. Suas pupilas dilatam, a pressão sanguínea sobe, o fígado responde bombeando mais açúcar na corrente. Os receptores de adenosina no cérebro são bloqueados para evitar tonteiras.

@ Passados 45 minutos: o corpo aumenta a produção de dopamina, estimulando os centros de prazer do corpo. (Fisicamente, funciona como a heroína.)

@ Passados 50 minutos: o ácido fosfórico empurra cálcio, magnésio e zinco para o intestino grosso, aumentando o metabolismo. As altas doses de açúcar e outros adoçantes aumentam a excreção de cálcio na urina.

@
 Passados 60 minutos: as propriedades diuréticas da cafeína entram em ação. Você urina. Agora é garantido que porá para fora cálcio, magnésio e zinco, dos quais seus ossos precisariam. Conforme a onda abaixa, você sofrerá um choque de açúcar. Ficará irritadiço. Você já terá posto para fora tudo que estava no refrigerante, mas não sem antes ter posto para fora, junto, coisas que farão falta ao seu organismo.

Assista ao vídeo e ouça o que diz médico sobre refrigerantes:


Quais os principais problemas causados pelo excesso de consumo de refrigerante?

O consumo contínuo de refrigerante pode causar uma série de complicações. Saiba quais são doenças causadas pelo consumo do refrigerante e o principal componente encontrado dentro dessa bebida, o qual pode causar tais doenças:

Asma – benzoato de sódio;
Cárie dentária – ácidos e açúcares;
Gastrite – os ácidos;
Problemas renais – ácido fosfórico;
Obesidade – xarope de milho com alto teor de frutose;
Infertilidade – resina ABP ou bisfenil-A;
Envelhecimento precoce – os fosfatos;
Insônia – aditivos e cafeína;
Osteoporose – ácido fosfórico, e ainda;
Ataques cardíacos, câncer, síndrome metabólica e doença hepática gordurosa.

Depois desse resumo sobre o refrigerante, agora já sabe, tome menos essa bebida. Cuide de sua saúde!


Um mol de abraços para você! 😎

Referências

· BNDES – Bando Nacional do Desenvolvimento Humano. Disponível em:<https://web.bndes.gov.br/bib/jspui/bitstream/1408/3462/1/BS%2040%20O%20setor%20de%20bebidas%20no%20Brasil_P.pdf>. Acesso em: 10 dez. 2016.
·        Dicas de Mulher. <http://www.dicasdemulher.com.br/7-problemas-de-saude-que-o-consumo-de-refrigerante-pode-causar/>. Acesso em: 10 dez. 2016.
·          Springer Link. <http://link.springer.com/article/10.1007/s00125-013-2899-8>. Acesso em: 06 dez. 2016.

2 comentários:

  1. Realmente Refrigerantes, são uma verdadeira bomba para nosso organismo, sinceramente irei rever meus conceitos, e parar de tomar, eu tomava muito quando toco violão, mais irei parar com isso.http://formulaviolao.net/

    ResponderExcluir
  2. valeu!!Me ajudou muito!!! Me esclarecendo

    ResponderExcluir

@ Para dúvidas e/ou sugestões envie-nos um e-mail;

@ Seus comentários são reagentes para as nossas postagens!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...