domingo, 18 de janeiro de 2015

Coisas que não existem

Se alguém teve notícias sobre o velório de um anão, ou conhece uma pessoa que guarda a foto da sogra na carteira, avise-me. Assim como quem viu japoneses trigêmeos, por favor fotografe, grave e envie para o meu e-mail . Essas coisas ninguém nunca viu, ninguém sabe se existem. Porém, para muitas pessoas, essa lista está incompleta, deveria ser acrescentada a figura do político honesto. Já é um lugar-comum: “todo político é ladrão”. Eu não concordo com isso.


Que há políticos desonestos, até meu cachorro sabe, mas nem tudo está perdido. No meio desse “mar de lama” (olha o clichê), há pontos luminosos, que embora quase sufocados, podem livrar a cara dessa classe tão discriminada. Posso citar alguns nomes que não sabem o que é “mensalão”, que nos últimos cinco anos não foram denunciados pela Folha de São Paulo ou pelo Correio braziliense, não usaram ou doaram passagens de avião neste mandato. Eles nem mesmo foram entrevistado pelo CQC.

Ulisses Guimarães, Miguel Arrais, Jeferson Peres, Dante de Oliveira, a lista é pequena, mas tem qualidade. Eles não mentem, não desviam verbas públicas, não ocupam indevidamente apartamentos funcionais. Nem as verbas indenizatórias foram depositadas em suas contas durante o último recesso parlamentar. Políticos de respeito, honestos. Talvez o Brasil melhore quando muitos dos nossos homens públicos estiverem juntos dos que hoje formam essa memorável lista.




Publicação autorizada pelo autor da crônica.
Márcio Luís é professor licenciado em Letras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

@ Para dúvidas e/ou sugestões envie-nos um e-mail;
@ Divulgue seu blog no Educadores Multiplicadores
@ Seus comentários são reagentes para as nossas postagens!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...